GUIA DA TEMPORADA – Doug McDermott

Doug McDermott foi um dos poucos jogadores que terminou 2015/16 com um “saldo positivo” e terá grande importância na próxima temporada.
Situação contratual (via Spotrac):

doug tabela

  • Em 2018, o jogador é agente livre restrito e o valor que consta na tabela é da qualifying offer.

Médias por jogo na temporada 2015/16 (81 jogos): 9.4 pontos, 2.4 rebotes e 0.7 assistências.

Aproveitamentos na temporada 2015/16: FG% .452, 3P% .425 e FT% .857. (via Baskteball Reference)

Após uma temporada de novato ruim, na qual mostrou grande nervosismo e pouca autoconfiança, McDermott conseguiu reverter a situação na temporada de 2015/16. Com a confiança do técnico Hoiberg para ser o pontuador da segunda unidade, ele não desapontou. Doug fez o que era esperado dele: chutou. E como chutou! Ele foi o sexto melhor three pointer da NBA em 15/16, empatado com Klay Thompson, com um aproveitamento de 42.5%.

Além dos chutes perimetrais, Doug McDermott conseguiu trazer a versatilidade ofensiva que tinha no basquete universitário para a NBA. Sua movimentação sem a bola é algo que poucos jogadores sabem fazer bem e exige muita inteligência. Com isso, ele consegue fáceis oportunidades para pontuar, principalmente com sua consistente floater. Claro, a parte do jogo de Doug que mais surpreendeu na temporada passada não poderia passar em branco: o menino sabe enterrar. Não é um ponto relevante, mas para alguém que se mostrava pouco atlético, é interessante mencionar.

Com poucos chutadores de três pontos no elenco e uma backcourt (Rondo e Wade) sem arremesso, Doug McDermott, o three pointer mais confiável do Bulls, deve ser muito acionado. A grande dúvida em relação ao jogador é a sua defesa. Ele não tem um bom deslize lateral e os times adversários aproveitam-se disso, concentrando o jogo no matchup com Doug. É verdade que ao longo da temporada, ele obteve uma leve melhora defensiva, mas ainda é pouco. O que faz com que os torcedores e imprensa acreditem em uma evolução é a característica de esforço do novo camisa #11 e os trabalhos direcionados a essa deficiência que começaram antes do término da temporada.

Nessa offseason, foi reportado que Hoiberg planeja testar McDermott como ala-pivô na próxima temporada, em uma lineup do famoso smallball. Ele jogou nessa posição no college e isso pode lhe ajudar nos dois lados da quadra.

Doug McDermott terá mais minutos na próxima temporada e a questão defensiva não deve influenciar nisso, por causa da carência dos arremessos de três. Seu jogo ofensivo só tende a evoluir e a sua defesa limitará o impacto que ele terá dentro de quadra.

E você, torcedor, o que espera do Doug “McBuckets” para a próxima temporada?

Anúncios

5 comentários em “GUIA DA TEMPORADA – Doug McDermott

Adicione o seu

  1. Que homem esse McDermott! Menos de 15 pts de média nem olho. Sexto homem do ano e DPOY, sem “jogadorismo”. Falando sério agora, baita análise Vini. Doug tem tudo para ser o scorer vindo do banco e se tiver a confiança e a liberdade que apresentou no College, tem tudo para pontuar de diversas maneiras. Queria ver mais seu chute de média distância e, principalmente, o jogo no post (te juro que ele é muito bom no fadeaway à la Nowitzki).

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: