GUIA DA TEMPORADA – Tony Snell / Paul Zipser

Jovens terão que conquistar seu espaço na equipe, mas em situações distintas.

Tony Snell

Situação Contratual (via Spotrac)*:

Salary Cap - Snell

*2016 Club Option; 2017-18 Qualifying Offer

Médias por jogo na temporada 2015/16 (Snell – 64 jogos): 5.3 pontos, 3.1 rebotes e 1.0 assistência.

Aproveitamentos na temporada 2015/16: FG% .396, 3P% .361 e FT% .909 (via Baskteball Reference)

Tony Snell entrará em sua quarta temporada na NBA para, mais uma vez, mostrar a que veio na liga. O ala-armador, draftado em 2013, não consegue ter uma sequência de bons jogos, dando a impressão de não ter a confiança suficiente para executar suas jogadas. Sempre oscilante, o camisa #20 acabou tendo destaque em apenas um jogo, contra os Raptors, onde fez 14 pontos no último quarto. Depois dessa partida, Snell não apareceu mais na temporada.

Com mais dois anos de contrato e sendo utilizado de maneira regular por Fred Hoiberg, Snell sabe que não pode mais bobear, pois a concorrência na posição aumentou. Se quiser mostrar que ainda pode contribuir, terá que colocar a cabeça no lugar e ter confiança, acima de tudo, para se firmar e mostrar do que é capaz.

Paul  Zipser

Situação Contratual (via Spotrac)*:

Salary Cap - Zipser

*Contratos de 2018 e 2019 (Club Option) não estão garantidos caso seja dispensado antes de 18/7/18 ou 18/7/19, respectivamente. 

Médias por jogo na temporada 2015/16 (Zipser – 40 jogos): 7.1 pontos, 3.6 rebotes e 1.4 assistências.

Aproveitamentos na temporada 2015/16: FG% .494, 3P% .361 e FT% .807 (via Basketball Bundesliga)

Draftado na segunda rodada do último draft, o alemão Paul Zipser chegará em Chicago, a príncipio, para ser mais um no elenco. Eleito o melhor jogador jovem do último campeonato alemão de basquete, Zipser terá que conquistar seu espaço no Chicago Bulls, já que Valentine e Snell largarão na frente na briga por minutos na rotação.

O alemão possui boas características ofensivas, como os chutes de longa distância e as infiltrações, além de demonstrar bom atleticismo e jogo de transição nos dois lados da quadra. Os scouts da NBA indicam que ele tem poucas chances de se tornar um bust, o que deixa as expectativas sobre o jovem atleta muito promissoras. Resta saber como ele se adaptará a NBA.

E você, torcedor, o que espera de Tony Snell e Paul Zipser para a próxima temporada?

[Atualizado 09/09/16, à 00:25]

Anúncios

Um comentário em “GUIA DA TEMPORADA – Tony Snell / Paul Zipser

Adicione o seu

  1. Quanto ao Zipser, pelo que vi dele em alguns vídeos, gostei bastante. Parece jogador pra NBA mesmo mas precisamos dar tempo para adaptação. Não adianta querer cobrar dele nesta primeira temporada.

    Quanto ao Snell, a única esperança é que esta mudança no elenco dê uma animada nele, pois aquele Snell das bolas de 3 será importante nas rotações deste ano. Agora se for Snell da última temporada, tchau!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: