O problema chamado Rajon Rondo

Rajon Rondo está sendo um dos piores jogadores do Chicago Bulls e quando ele está em quadra, o time joga pior. Desde que o big three, composto por ele, Wade e Butler, foi formado, todos apontavam que o encaixe desses três atletas seria difícil e o camisa #9 é quem mais está sofrendo com isso.

Vindo de uma boa temporada com o Sacramento Kings, na qual a equipe conseguiu a melhor campanha dos últimos oito anos, Rondo chegou ao Bulls para jogar de uma forma diferente. Acostumado a ser o maestro em quadra, era certo que o armador teria uma drástica queda do tempo de bola nas suas mãos, já que Dwyane Wade e Jimmy Butler também têm a característica de ficar bastante tempo com a laranja. O grande problema nessa mudança é que sem a bola, Rondo não preocupa a defesa adversária, que o ignora completamente para dobrar ou oferecer ajuda contra outros jogadores do Bulls.

captura-de-tela-145
Jeff Teague opta por deixar Rondo livre e ajudar a conter a possível infiltração.
captura-de-tela-142
Dennis Schroder opta por deixar Rondo livre e ajudar a conter a possível infiltração.

Essa estratégia defensiva é aplicada porque Rondo não é um bom chutador. Ele está aproveitando apenas 25% das bolas de 3 em 2016/17. Justamente por causa disso, outro quesito do ataque chicagoano está sendo prejudicado. O pick and roll está sendo neutralizado facilmente pela defesa adversária quando Rondo o executa. Os marcadores estão passando por trás dos corta-luzes e evitando qualquer troca de marcação ou passe para o big man. Claro que, com isso, o armador tem espaço para arremessar, mas e daí?

captura-de-tela-146
Goran Dragic opta por passar por trás do corta-luz de Robin Lopez.
captura-de-tela-143
Elfrid Payton opta por passar por trás do corta-luz de Taj Gibson.

Não se pode dizer que Rondo compensa de um lado da quadra o que não faz do outro (coisa que Gibson, Lopez e Butler fazem). Ele não é o mesmo jogador que foi eleito quatro vezes ao Melhor Time Defensivo do Ano. Seu físico e agilidade fazem com que Rondo seja um alvo fácil para os jovens armadores da NBA, que estão cada vez mais rápidos, fortes e com melhor chute. Quando Rondo está em quadra, o Bulls leva 110,8 pontos a cada 100 posses. No momento em que ele está no banco, esse número cai para 101,5 pontos.

Tanto Rondo como Hoiberg podem agir para amenizar esses problemas. A melhor partida do armador na temporada foi contra o Heat, a qual o Bulls jogou melhor quando Rondo foi mais agressivo em relação à cesta. Ele tem boa finalização perto do aro e deveria fazer das infiltrações um hábito, para além de pontuar, conseguir chamar a atenção da defesa e encontrar arremessos livres para seus companheiros.

O quinteto que era composto por jogadores reservas comandados por Wade teve boas atuações no começo da temporada, mas tem piorado a cada partida que passa. Talvez já seria a hora de tentar algo novo e colocar Rondo para fazer o papel de Wade, o que se tornaria em um ótimo teste. Com bons chutadores ao seu redor (McDermott, Mirotic e Canaan), Rondo seria o “dono da bola” e poderia fazer o que fazia no Kings, servindo seus companheiros com jogadas que ele chamava.

Anúncios

11 comentários em “O problema chamado Rajon Rondo

Adicione o seu

  1. Excelente matéria. Disserta sobre o que realmente vem acontecendo nos jgs dos Bulls. Durante a temporada sentiremos falta de um PG mais agressivo. Ñ temos esse jogador. Deveríamos ter dado mais chances do Spencer Dinwiddie.

    Curtir

  2. Ótima matéria! Concordo que hoje em dia o Rondo não tem uma atitude pontuadora em quadra, isso devia ser levado em conta na hora de montar o time titular. Porem acho que esse problema se resolverá com o tempo, a medida que ele percebe essa deficiência e as necessidades do time.

    Curtir

  3. rondo só vai ser útil em um time que não dependam dele como score, como fez em Boston onde tinha um time de chutadores ao seu lado e a bola o tempo todos para servi-los da melhor maneira possível, hoje ele teria encaixe em poucos times na NBA!! vindo do banco em um possível Small ball acho que seria muito útil ao gsw onde poderia jogar com a bola nas mãos perfeitamente criando jogadas pra os exime-os chutadores que o time tem!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: